As 5 perguntas que deves fazer antes de mudar de emprego

By | 12/09/2018

Às vezes, determinadas situações fazem-nos avaliar uma possível mudança de emprego. Ou porque não estamos confortáveis na nossa empresa atual ou porque procuramos uma melhoria na nossa vida profissional.

A incerteza que provoca uma mudança pode gerar medo e impedir essa alteração na nossa vida profissional. No entanto, devemos ser objetivos e avaliar todos os aspetos relevantes de modo a não perder nenhuma oportunidade positiva para a nossa carreira.

Antes de dar esse passo, faz a ti mesmo estas 5 perguntas para avaliar se é o momento de mudar de emprego:

1. Qual é o teu objetivo profissional?

A primeira questão que deverás realizar é sobre os teus objetivos profissionais, o que queres conseguir na tua vida laboral.  Queres alcançar  ser chefe do teu departamento? Queres mudar para um novo setor profissional? Procuras apenas ganhar um bom salário? Seja qual for o teu objetivo, define-o e mantém-no muito presente durante estas 5 perguntas.

Agora pensa na tua situação atual. Em que ponto estás? Como está a tua empresa a contribuir para atingires o teu objetivo? Ou, pelo contrário, como a futura empresa poderia ajudar-te a cumprir? Pode ser que essa nova empresa não atenda exatamente às tuas expectativas, mas seja um passo relevante para te aproximares daquilo que pretendes. Avalia-o.

 

2. Por que queres mudar de trabalho?

Em todos os trabalhos podemos encontrar condições e responsabilidades de que gostamos mais ou menos. No entanto, devemos avaliar se estas carências são importantes o suficiente para querer mudar de emprego.

Antes de considerares uma mudança, verifica se a tua empresa pode te oferecer essa alteração que procuras. Um novo salário ou horário, uma mudança de departamento ou assumir novas funções, entre outros. Muitas vezes, o desconhecimento por parte da empresa das tuas preocupações pode levar a essa insatisfação. É o momento de conversar com o departamento de recursos humanos.  Mostra-lhes as alterações que gostarias de obter.  Claro, sempre com respeito, honestidade e confidencialidade.

3. Que te oferece a nova empresa?

O teu horário de trabalho ajusta-se às tuas necessidades? O salário cumpre com as tuas expectativas? As funções são adequadas para ti? Os teus futuros colegas são do teu agrado?

A Internet pode dar-te todas as respostas de como é a nova empresa, qum faz parte dela, os clientes com quem trabalham… Mas será no momento da entrevista de trabalho que poderás fazer perguntas específicas sobre a empresa. Também poderás ver o ambiente de trabalho, como se distribui a empresa ou os espaços de trabalho que dispõe.

Dá uma olhada na página de Linkedin. Pode ser que conheças alguém que trabalha ou tenha trabalhado aí.  Questiona-o sobre a sua experiência. A sua opinião poderá dar-te informação muito relevante.

4. Quais as conseguências de mudar de emprego?

Mudar de trabalho é uma decisão que não deve ser tomada de ânimo leve. A tua rotina de trabalho, as tuas responsabilidades, os teus colegas de trabalho…Tudo vai mudar. Seré o momento de te sentares e avaliar as consequências, tanto negativas como positivas, que poderia implicar uma mudança de trabalho.

Começar numa nova empresa acarreta alguns riscos, mas também novas oportunidades que não podes deixar escapar apenas por medo. Podes deixar de ter alguma estabilidade no emprego, mas ao mesmo tempo podes dar um passo importante na tua carrreira. Por essa razão, é essencial que reflitas e valorizes com os teus familiare sobre essa possível mudança.

5. E a pergunta definitiva: vale a pena mudar de emprego?

Depois das 4 perguntas anteriores, certamente será muito mais simples fazer um balanço da tua situação laboral atual e valorar os motivos que (não) te mantêm na empresa.

Analisa os prós e os contras da tua atual empresa, mas também da futura empresa. Considera os teus objetivos laborais e os aspetos que são relevantes para ti, como o salário, o horário, o tipo de contrato ou os dias de férias. Mas também, as oportunidades de crescimento, se tens opção de realizar formação ou se podes mudar para outras cidades. Analisa os aspetos mais importantes para ti e anota-os para facilitar a avaliação. Nesse papel estrará a resposta para a tua decisão.

Se decides mudar de trabalho…

É importante que comuniques a tua decisão com tempo e, se possível,  colabores na formação do novo funcionário que te substituirá. Não te esqueças de agradecer na tua empresa atual por tudo o que aprendeste e por tudo o que esta contribuiu para a tua carreira profissional.

Muita sorte!

 

Ler mais:

Share this...
Share on Facebook18Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *